terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Instagram vai vender suas fotos e não vai te dar nada em troca. Entenda

O Instagram anunciou mudanças em sua política de privacidade. O assunto é um dos mais discutidos nas redes sociais nesta terça-feira, 18 de dezembro. Agora, as imagens e informações de seus usuários podem ser vendidas pela empresa, que pertence ao Facebook. Esta é a primeira grande mudança desde que a rede social comprou o Instagram, há três meses. Segundo o novo termo de privacidade, as fotos podem ser vendidas sem aviso ou qualquer pagamento de direito autoral. A única forma de discordar dessa política é apagar sua conta antes do dia 16 de janeiro de 2013, dia em que entra em vigor a nova regra. Não há possibilidade de discordar do termo e isso vale até para quem tem o álbum "fechado". Ter uma conta no Instagram é necessariamente concordar com os termos de privacidade.

A venda das fotos dos usuários pode ser feita inclusive para uso em publicidade. Com essa ação, o Facebook criou a maior agência de fotos do mundo, sem gastar nada.

A venda de fotos particulares para publicidade pode gerar situações como: um hotel compra do Instagram todas as fotos já tiradas por pessoas que passaram lá, e coloca em seu website, mesmo que haja fotos de pessoas que não querem aparecer publicamente, ou mesmo ainda de crianças, cujos pais não previam que a foto fosse ser repercutida internacionalmente quando compartilharam naquela 'inofensiva' rede social.  A mudança 'pegou mal', mas resta saber quantas pessoas vão deletar suas contas.

Outra mudança aguardada é a chegada de anúncios no Instagram, já que, recentemente, o Facebook anunciou a intenção de tornar a rede de imagens 'rentável'.

 Via Blog Instagram

Nenhum comentário: