terça-feira, 27 de dezembro de 2016

10 curiosidades sobre marketing digital que você precisa saber

A internet se popularizou muito nos últimos anos, e já não há como pensar em uma estratégia de comunicação e marketing de uma empresa que não contemple o investimento no marketing digital. Um mercado que se mantém aquecido, mesmo com a crise econômica, e que atrai a atenção de profissionais de diversas áreas, que buscam entender o mundo digital para potencializar seus resultados. Seguindo nesta linha, nós separamos abaixo 10 curiosidades sobre marketing digital para complementar seus conhecimentos sobre o assunto. Confira!

1. Publicidade mobile

O mundo está cada vez mais mobile. Isso porque, de acordo com pesquisa feita pela Duke University com 288 diretores de marketing, empresas vão destinar cerca de 12% dos seus orçamentos para trabalhos na internet, até o ano de 2018. Este mesmo estudo mostrou que a publicidade mobile corresponde hoje a 3,2% do investimento marketing atualmente, mas deve alcançar cerca de 9% nos próximos anos.

2. Recompensas pelo uso de um app

Muitas empresas, depois do lançamento de um aplicativo, destinam todos os seus esforços para gerar novos downloads, mas esquecem que não adianta nada a pessoa baixar o app e não usar. A startup Ibotta, no entanto, reverteu este cenário dando pequenas recompensas em dinheiro para quem utilizasse o app. 

3. Efeito do e-mail marketing 

e-mail marketing é uma das ferramentas de marketing digital que mais sofre preconceito pelos profissionais da área. Muitas pessoas ainda desacreditam da sua utilidade, mas, em 2011, a ferramenta proporcionou para diversas empresas um Retorno sobre Investimento de 4000%, segundo a Direct Marketing Association.

4. Mensagens mais pessoais

Falando ainda sobre e-mail marketing, ninguém gosta de receber um e-mail em que fica claro que o disparo da mensagem foi massivo. Um pequeno detalhe, no entanto, pode fazer uma grande diferença. A personalização do e-mail, com o nome de quem vai receber, pode aumentar a taxa de cliques em até 14%.

5. Os maiores do e-commerce

O e-commerce é um segmento que não para de crescer, com lojas virtuais de todos os tipos surgindo diariamente. Apesar de muitas mudanças no mercado, os campeões de venda continuam sendo moda e acessórios, com 18% do total de vendas online no Brasil.

6. Campeão de buscas

Se falarmos sobre as buscas realizadas por usuários na web, possivelmente você imaginará que a maior parte delas seja por informação ou conteúdo, certo? Errado. Cerca de 46% das pesquisas realizadas na web todos os dias tem relação com a procura de produtos ou serviços.

7. Mercado em expansão

O Brasil possui o quinto maior mercado de publicidade do mundo, enquanto o Reino Unido está em sexto lugar no ranking. O gasto mundial em mercado publicitário gira em torno de R$520 bilhões por ano, e nos próximos anos a fatia deste investimento destinada ao mercado digital deve ultrapassar as mídias offline.

8. Maiores redes sociais

Entre as redes sociais, não é só o Facebook que não para de crescer. O Linkedin, apesar não parecer tão forte, é fundamental para quem busca relacionamento no âmbito profissional — em todo o mundo são cerca de 70 milhões de perfis cadastrados na plataforma. Enquanto isso o Twitter recebe pelo menos 300 mil novos usuários todos os dias. Se você é daqueles que achava que estas duas redes sociais poderiam acabar, está na hora de rever seus conceitos.

9. Tempo no Facebook

O Facebook continua sendo o gigante das mídias sociais. Cada usuário possui, em média, 130 amigos, e as pessoas gastam cerca de 500 bilhões de minutos por mês na rede social azul, o que a mantém como o principal canal para o marketing boca-a-boca digitalizado. 

10. Uso das redes 

Empresários de todos os níveis estão cada vez mais buscando conhecimento para entender o investimento em marketing digital. A maioria deles, por exemplo, aposta muito no trabalho nas mídias sociais, pois eles acreditam que essas redes ajudam no fechamento de novos negócios e na captação de novos clientes.
Quanto mais você puder saber sobre marketing digital, melhor será para o desenvolvimento do seu negócio. Descubra também em nosso blog, como criar conteúdo aplicado para a jornada do consumidor digital!
Fonte: http://www.performaweb.com.br

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Promoção de criação sites!

Vocês sabem que eu só indico coisa boa aqui, né? Aqui vai mais uma dica muito boa! Quer ter um site de qualidade? A F5 está com uma super promoção de criação de site. Entre em contato pelo email contato@f5midia.com.br ou pelo tel/whatsapp: 21 998735668. Ligue ou mande um email!

Dica de livro: Empreenda Sem Fronteiras

Autor: Bruno Pinheiro
Saiba como empreender de qualquer lugar do mundo! Você já se sentiu frustrado por perceber que seu estilo de vida não corresponde ao que você tem trabalhado para merecer? Você trabalha duro, durante muitas horas diariamente, para no final do mês sentir que não chegou onde gostaria? Muitas pessoas sofrem pela falta de tempo ou de dinheiro, sem saber que, às vezes, mudar esse cenário depende apenas delas. Todos os dias as pessoas se sentem frustradas por não viverem o estilo de vida que acham que merecem. Nós nos sentimos presos entregando mais de 1/3 de nossa vida a empresas em que somos mais um número e a remuneração não é o suficiente para viver uma vida digna. Por muito tempo acreditamos que estudar muito e trabalhar por um crescimento de carreira daria independência financeira e uma boa vida para nós e nossos filhos. Bruno Pinheiro tem a fórmula para criar o negócio risco zero para construir a vida do jeito que você a imagina. Depois de ajudar mais de 4 mil pessoas a empreenderem e criarem um estilo de vida sem chefe, agora ele vai ajudar você. A internet nos proporcionou um modelo de trabalho que já está revolucionando a vida das pessoas, mas o Bruno propõe no livro é que você consiga aplicar o que ele ensina em qualquer negócio. Essa metodologia se aplica ao trabalho on-line, off-line, a pequenas ou grandes empresas, ao profissional liberal, ao autônomo ou até a quem está em um trabalho CLT e não quer mais essa vida.

INFOGRÁFICO: 20 REGRAS DE MARKETING DE CONTEÚDO

Fonte: http://gestaodecomunidades.com/

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Seis erros dos empreendedores na crise

Segmento de pequenas e médias empresas deve ter organização financeira, motivar a equipe e não focar nos aspectos negativos do mercado
Claudia Chiquitelli Especial O ano que está se encerrando foi marcado por muitas dificuldades nas áreas econômica, social e política no país. Os pequenos e médios empresários precisaram se virar de todas as maneiras para se manter no mercado. Muitos deles fecharam as portas dos seus negócios. Para sobreviver em meio a um cenário difícil, o especialista no segmento, Marcus Marques, reuniu seis erros dos empreendedores na crise, ressalvando que a forma como conduzimos a empresa está diretamente relacionada aos seus resultados. 1. Falta de preparação – Isto é um dos maiores vilões do crescimento do empreendedor e da empresa. Quando nos preparamos, informamos, capacitamos; por piores que sejam as circunstâncias, conseguimos nos antecipar aos problemas; ampliar nossa visão de futuro; desenvolver novas ideias e estratégias mais efetivas para lidar com as dificuldades e até mesmo revertê-las em oportunidades de prosperar. 2. Falta de planejamento – Existe uma frase que diz que "Uma meta sem um plano é somente um desejo". E essa falta de planejamento é um dos maiores erros do empreendedor, com ou sem crise. Não basta apenas querer que sua empresa cresça e sobreviva à crise, é preciso pensar além, formatar um planejamento estratégico para o seu negócio, de modo que isso permita ajustar os pontos, organizar os processos, engajar e desenvolver as pessoas e alavancar seus resultados. Planeje! 3. Colocar a culpa na crise – Colocar a culpa no mercado, no governo, na economia ou na política é um dos piores equívocos do empreendedor, pois o maior problema não é a crise em si, mas a falta de preparo para lidar com ela. Portanto, como dono de empresa, não perca o tempo buscando culpados e terceirizando a sua responsabilidade. Saiba que independente dos fatores externos, os líderes é que devem buscar soluções e estratégias para superar os problemas e fazer o nosso negócio crescer. 4. Falta de planejamento financeiro – A falta de organização financeira também é um dos grandes erros dos empresários, uma vez que, quando a crise chega, o primeiro lugar que dói é o bolso do empreendedor. Por isso mesmo, se você não tem um bom planejamento financeiro e, diretrizes claras, em relação aos seus custos e investimentos, dificilmente conseguirá manter a empresa produtiva, com um fluxo de caixa positivo e que lhe permita continuar as atividades, manter os projetos e promover o crescimento. 5. Ignorar as oportunidades – Olhar o lado do copo que está meio vazio e focar apenas nos aspectos negativos da crise é tornar-se míope para as oportunidades que todo momento de dificuldade também traz. Essa miopia é um dos principais erros do empreendedor, por isso, para evitar que o negócio despenque, é preciso ser inteligente, positivo e expandir sua visão empreendedora. Busque olhar para o mercado, entender suas necessidades e criar produtos e serviços que atendam isso. 6. Centralizar os problemas – Durante a crise é comum que o empreendedor esteja tão preocupado em resolver os problemas da empresa que se esquece de que não está sozinho, ou seja, que também pode contar com sua equipe. Unir forças, ideias, conhecimentos e experiências são fundamentais nesse momento, pois o afastamento do líder dos seus colaboradores deixa o grupo inseguro e apreensivo em relação ao seu futuro e à manutenção de seus empregos. Busque em conjunto resolver as questões, manter seus profissionais engajados e motivados e conte com eles para vencer seus desafios.
fONTE: http://zh.clicrbs.com.br/

Mulheres falam sobre empreendedorismo e desafios para 2017

“As mulheres têm o poder de ser multitarefas e devem aproveitar isso para se empoderar na nova economia”, afirma Rosângela Villa-Real Apesar da retração do mercado de trabalho, alguns grupos de mulheres vêm unindo forças para trocar ideias, aumentar a rede de relacionamento e fazer negócio. O Bate-papo Ponto Com desta segunda-feira (05) recebeu um time de empreendedoras que tem contado com a ajuda do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) para buscar capacitação, pensar estrategicamente e agir para conquistar espaço nos diversos segmentos da economia. O apresentador Cadu Freitas trouxe para o programa a jornalista, empresária e idealizadora do grupo Colegiada de Mulheres Empreendedoras, Rosângela Villa-Real, Adriana Ribeiro, Relações Públicas e empresária, e Alexandra Zainun, empresária, coach e idealizadora do grupo Mulheres Empreendedoras da Barra da Tijuca. Todas contaram suas experiências ao deixarem para trás uma carreira segura e estável para enfrentar o desafio de montar o próprio negócio. No final do programa, foram divulgados dois encontros que acontecem no Rio com painéis voltados para reflexão sobre iniciativas vencedoras e propostas para planejar 2017. Ouça a conversa no player acima. O Bate-papo Ponto Com vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 11h, pela Rádio MEC AM Rio. Se preferir, ouça também o programa, ao vivo, aqui no link da Rádio MEC AM. OUÇA AQUI.

Uma pessoa que respira marketing digital e desde 2004, conheça Bruno Pinheiro


Já estive nos dois lados do balcão, tive agência de publicidade durante 6 anos, conhecendo bem como funciona em todos os processos, até o dia em que resolvi “mudar de lado”, pois eu não conseguia entender muito bem a cabeça dos clientes, achava todos loucos, foi então quando decidi, ser o famoso “cliente”. Em 2009 gerenciei o marketing do Grupo MC, com mais de 150 escolas de idiomas e informática em todo o Brasil, onde trabalhei 2 anos para mudar a cultura de uma empresa para o mundo digital e acredito que consegui. Investi mais de 4 milhões na internet, tendo testado de tudo, Google, Yahoo, Facebook, Games, Uol, MSN, posts patrocinados e todos os portais possíveis e imaginários. Em minha primeira campanha fui case de sucesso no Google, com um ROI (retorno sobre o investimento) de R$ 48,00, onde apresentei a campanha no Think With Google para todo o mercado de Educação além de ter a certificação Google Adwords. Veja mais sobre essa campanha. Além das escolas vendi muita coisa, lancha de milhões, Boi Red Angus de meio milhão, pratos de comida, sobremesa e muitas outras coisas que você não pode nem imaginar. Em 2012 mudei novamente os rumos da minha vida e resolvi morar na Europa, onde trabalhei na Provident – SugarCRM na Irlanda, onde atuei no marketing digital de um dos principais CRMs mundiais, foi uma experiência e tanto, além dos 23 países percorridos. Voltando ao Brasil mudei para o Rio de Janeiro onde trabalhei na Academia Brasileira de Coaching, onde em 3 meses tripliquei os acessos no site e um aumento de 500% nos cadastros gerados de interessados no site. Recentemente recebi o convite de um grande amigo para ministrar o módulo de Gestão de Projetos Online na Pós em Marketing Digital da ILADEC, onde sintetizei minha forma de trabalho de anos, onde você pode acompanha como é acessando aqui.